Notícias

[VÍDEO] Na própria live, prefeita de Conde é comparada a prefeitos presos em Cabedelo e Bayeux

Da esquerda pra direita: Leto, Márcia e Berg.

 Por Eudes Santiago 


Numa conversa regada a muito mentira e ataques à rivais políticos, a prefeita de Conde, Márcia Lucena (PSB), foi acertadamente comparada a outros prefeitos presos na região metropolitana de João Pessoa. O inusitado é que o comentário foi feito pelo jornalista ricardista Flávio Lúcio, que dividia a live com ela.

Flávio Lúcio reconhece a similaridade das situações de Márcia Lucena, Berg Lima, prefeito de Bayeux que também foi preso e agora está afastado da função, e Leto Viana, ex-prefeito de Cabedelo que foi preso pela Polícia Federal na “Operação Xeque Mate” e confessou seu crime,


O fato grave é que o jornalista sugere que as ações do Ministério Público e da Polícia Federal são atos de “golpismo” encomendados pelas respectivas oposições e que a responsabilização por crimes efetivamente praticados, descobertos e punidos não passa de ato político.

Pelo colocado, a culpa das prisões e dos afastamentos dos prefeitos é dos presidentes das Câmaras das respectivas cidades.


“Foi feito uma mágica pra incluir você na “[Operação] Calvário”, argumentou o jornalista desprezando provas contundentes e confissões de pessoas que participaram dos crimes e que apontam Márcia Lucena como “cabeça” no núcleo político da Organização Criminosa que teria Ricardo Coutinho como chefe.


 

 


Nenhum comentário