Notícias

Erros possivelmente premeditados ensejam em rompimento com PSB e PDT lança chapa pura em Cabedelo

                                        

 Por Eudes Santiago 

Uma série de eventos esdrúxulos protagonizados pelo Partido Socialista Brasileiro - PSB, em Cabedelo, cidade da Grande João Pessoa, ensejaram o precoce rompimento da coligação PDT/PSB.

Da produção de material de campanha ao registro de candidatura, tudo apontava para um possível boicote à candidatura do Dr. André Lima (PDT). O fato mais grave foi a inclusão de uma casa, que não é propriedade do candidato, com valor declarado de R$ 0,01. Esse fato seria suficiente para prejudicar a candidatura e deixar o PDT fora do pleito.


A equipe do PSB teria protocolado o registro de candidatura da coligação sem conhecimento do PDT com erros como o citado e sem inserir certidões e endereços.

O PDT reagiu a tempo, corrigiu os erros, tirou o PSB da coligação e vai seguir no pleito com chapa pura. O novo vice é o Dr. Kayo Sérgio Lopes.

Em nota, o PDT oficializou o rompimento. Leia na íntegra:


COMUNICADO (PDT)

O Partido Democrático Trabalhista (PDT), vem, por meio deste comunicado, informar acerca do fim da coligação com o Partido Socialista Brasileiro (PSB) e a decisão de seguir no pleito eleitoral com ambos os candidatos do quadro de filiados do partido.

O PSB, no dia 19 de setembro de 2020, protocolou o registro de candidatura do Sr. André Lima ao cargo de prefeito sem comunicação prévia ao PDT. Ocorre que, por despreparo técnico do PSB ou outros motivos, a candidatura foi registrada em total desacordo com a legislação eleitoral, uma vez que, nenhuma certidão criminal foi protocolada, os endereços do RRC estavam ausentes e a declaração de bens, de forma irresponsável, foi protocolada no valor total de R$ 0,01, referente a casa situada na Praia do Poço, a qual não pertence ao Sr. André Lima. (Documentos em anexo)

Mesmo com todos os erros grosseiros, o Sr. Aguinaldo Silva e o PSB se mostraram indiferentes e despreocupados com os equívocos. Além disso, em nenhum momento o PSB municipal apresentou qualquer pronunciamento público acerca do ocorrido.

Devido os acontecimentos aqui expostos, a candidatura do Sr. André Lima foi alvo de uma ação de impugnação, o que acarretou o desmembramento da coligação e o novo posicionamento da diretoria do PDT em continuar no pleito eleitoral atual com a chapa formada apenas por filiados.

Todos os documentos necessários ao registro de candidatura já foram protocolados e a candidatura do Sr, André Lima já se encontra de acordo com a legislação eleitoral.

Desta forma, ficou decidido que o Sr. André Lima será candidato a prefeito e terá como candidato a vice prefeito, o correligionário Dr. Kayo Sérgio Lopes.

Partido Democrático Trabalhista (PDT) Cabedelo/PB



Nenhum comentário