Notícias

MILHO GARANTIDO: Comunidades rurais de Conde são beneficiadas com 450 horas de corte de terras para garantir o plantio

 

O plantio do milho precisa acontecer até o dia 5 de abril de cada ano para que esteja pronto para a colheita em 75 dias. Dessa forma o agricultor terá o produto pronto para a venda na época de maior consumo do item no nordeste, em meados de junho.

Diante disso, a Secretaria da Agropecuária e Pesca de Conde (SAP) tem cumprido o desafio de disponibilizar o serviço aos agricultores dentro desse prazo. Os próprios produtores narram a dificuldade que sempre tiveram pela falta de agilidade do Poder Público local.

O vereador Josélio Jogador relatou ao secretario da Agropecuária e Pesca que a comunidade de Mituaçú sempre era a última no cronograma de cortes de terras para o plantio: "Quando o trator chegava em Mituçú não havia mais tempo hábil para plantar milho", disse. Foi a mesma informação compartilhada pelos agricultores durante a inscrição para receber os cortes.

Ainda nos primeiros meses de seu primeiro ano, a gestão Karla Pimentel entendeu a relevância de não apenas beneficiar aos agricultores com o corte das terras, mas de fazê-lo garantindo a produção de cada cultura no seu tempo.


Relatórios da SAP mostram que 225 agricultores, de 12 comunidades rurais diferentes já tiveram suas terras preparadas para o plantio com máquinas da Prefeitura desde janeiro. São 450 horas de serviço doado aos produtores rurais de Conde.

Amparo, Capim Açú, Caxitú, Conde, Frei Anastácio, Gurugí II, Mata da Chica, Mituaçú, Paripe, Rick Charle, Tambaba e Utinga, já foram atendidas e o milho para este ano está garantido.
Novas comunidades serão atendidas conforme cronograma acordado por sorteio com as associações rurais. Passado o período próprio para a plantação do milho a SAP prosseguirá com o serviço para garantir a produção das demais culturas.

SECOMD

Nenhum comentário