Notícias

Alhandra supera média estadual de aprendizagem escolar



O programa Integra Paraíba foi lançado no início do ano pelo Governo Estadual e tem parceria com os municípios, possui o objetivo de monitorar os índices da Educação Básica. No início do segundo bimestre deste ano, avaliações foram aplicadas em alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental I da Rede Municipal de Ensino de Alhandra e apresentou resultado satisfatório, alcançando 79,9% na taxa de aprendizagem. Os números superam a média estadual que é de 75%.

“Resultados que refletem nossos esforços diários. Foram ações definidoras, árduas e diárias da equipe pedagógica que compõem a nossa educação crescer. Quero parabenizar os professores, os supervisores e os coordenadores que se reinventaram todos os dias com novas ideias procurando a evolução da nossa educação. E nosso crescimento, nossos resultados também são reflexos da parceria entre família e a escola, pais e responsáveis. Aproveito o momento para compartilhar essa alegria e conquista. Agradeço todo o investimento e empenho do prefeito de Alhandra, Marcelo Rodrigues, e da vice-prefeita, Zilda do Varejão, na Educação de Alhandra”, finalizou o secretário municipal de Educação, Fernando Lima.             
                                   
O prefeito de Alhandra, Marcelo Rodrigues, comemorou os resultados. “Estamos a caminho do desenvolvimento, conduzindo nosso município ao progresso. E o progresso se faz com mentes inteligentes, ver que Alhandra superou a média estadual do índice de aprendizagem é uma alegria para nós alhandrenses. Pois nossos filhos estão recebendo educação de qualidade. Parabenizo aqui a todos os profissionais envolvidos, professores, supervisores e coordenadores que dão o seu melhor fazendo a Educação Municipal mudar vidas”, afirmou o prefeito de Alhandra, Marcelo Rodrigues.

A avaliação permitiu verificar como estava a aprendizagem de cada aluno durante o ensino remoto, além de conferir se eles atingiram as habilidades previstas na Base Nacional Comum Curricular (BNCC) para Língua Portuguesa e Matemática, como também, elaborar estratégias de formação dos professores fortalecendo as metodologias de ensino para as habilidades com alto índice de defasagem. A avaliação voltará a ser aplicada ao final do terceiro e do quarto bimestre, para acompanhar a trajetória de aprendizagem dos estudantes, ajustando as estratégias de ensino durante o ano em curso e visando corrigir eventuais déficits.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Alhandra
Texto: Wagner Mariano
Foto: reprodução – MCTIC (CUSTOM_CREDIT)

Nenhum comentário